aorta

DSC02184 - Cópia

na liberdade do gume incerto da taça quebrada, que não se discorre,

reconheço a sombra, o patíbulo do dia que contamina a cidade;

um falso atavio do tempo, um céu vertical do mundo que morre,

a míngua do pão, a catarse do vento, a omissão vestida da verdade;

um gesto firme da taça quebrada, e não haveria nos ladrilhos diferença.

*

Fotografia: 25 de Maio de 2017.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s